sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Cachorro mais velho do mundo morre aos 29 anos, diz jornal britânico


Segundo 'Daily Mail', Bella, que vivia com idosos, teve ataque cardíaco.
Dono do animal confirma recorde, mas não possui documentação.
Um casal de idosos britânicos afirma ter dado adeus a uma Matusalém do mundo canino: Bella, que morreu aos 29 anos, o equivalente a 203 anos humanos entre os cães. A notícia foi dada pelo tablóide "Daily Mail". Segundo David Richardson, de 76 anos, e sua companheira Daisy Cooper, de 81, Bella entrou na família há 26 anos, quando tinha três anos de idade.



A cadela vivia em Clay Cross, na região de Derbyshire, com seus donos. Vira-lata com sangue de labrador, Bella morreu de um ataque cardíaco. "Tínhamos acabado de voltar de nosso passeio de fim semana quando ela começou a ganir e gemer e desmaiou na frente do sofá. Levamos Bella para o veterinário, mas ela estava tão doente que precisou ser sacrificada. Vamos sentir muito a falta dela", declarou o idoso ao "Daily Mail".

O bicho, no entanto, não deverá entrar para o Guiness, uma vez que Richardson não possui documentos que comprovem a data de nascimento de Bella. Segundo o livro que registra recordes, o mais recente "vencedor" da categoria é Butch, cachorro americano que faleceu aos 28 anos em 2003. A idade média da maioria das raças de cachorro fica entre dez e 13 anos

Nenhum comentário: