sexta-feira, 19 de março de 2010

O Belo Exemplo dos Animais II

Dando continuidade ao assunto como prometi fui ao site São Joaquim online procurar informações sobre o ocorrido e achei esta matéria.
Confesso que no inicio fiquei indignado com a brincadeira, pois fiquei preocupado com o cão atropelado e pensei que ser atropelado e servir de chacota pra cidade e continuar na miséria ninguém merece!
Até coloquei dois depoimentos um deles bem maroto ao repórter porem desafiando ele a uma nova matéria, desta vez falando como estão os dois cães!
É aguardar o resultado!
Porem lendo e relendo esta entrevista e com um email da amiga Ana Corina vi que o texto em si não é mal!
É uma entrevista com o cão envolvido!
Claro uma versão humorada de uma suposta entrevista, pois quem de nós já não escreveu algo como se fosse outro alguém ou como se fosse um cão!
Lendo e juntando tudo o autor da entrevista conseguiu passar um recado bom sobre a falta de responsabilidade das pessoas com relação aos animais!
Mostrou também que em São Joaquim não há cuidado algum com os cães abandonados!
Coloco aqui na integra a entrevista e continuo de olho para ver as novidades deste caso!
Você que vai ler tire suas conclusões e me diga o que achou?


Entrevista com Nego, o “Amicão”!

Depois de ver seu amigo ser atropelado e abandonado na tarde do dia oito de março e depois flagrado pela equipe do site sãojoaquimonline, o cão chamado Nego ficou famoso pela sua reação, de ficar ao lado do companheiro ferido, chamado de guri, até que ele se recuperasse. Abaixo uma entrevista onde Nego conta a sua vida canina e de seus companheiros abandonados nas ruas de São joaquim
Pergunta: Como você vê a repercussão do seu gesto?
Nego: Cara! Só depois que o meu amigo, o Guri, sofreu um acidente e foi fotografado no centro de São Joaquim é que você humanos perceberam como nós somos mau tratados. Isso acontece todo dia. Muita gente não nos respeita.
De quem é a culpa?
Nego: Caras como esses do Fiat Strada que pasaram por cima do Guri sem sequer prestar socorro estão cheios aí na rua. Sabe! Gente assim eu tenho vontade de pular de mordida, mas não faço isso não, prefiro dar o exemplo, cuidar dele para que não venha outro e faça a mesma coisa. Isso é desumano. E eu ouvi latir que acontece até entre eles mesmo, atropelam e fogem.
E como é a vida de vocês?
Nego: Nós estamos na rua pelo mesmo motivo. O nosso dono não quer ficar com a gente quando nascemos e aí nos deixa em uma esquina qualquer, e aí tem que se virar.
E isso não acontece só conosco! Com os gatos é a mesma coisa. Eu vou te falar a verdade, eu não gosto muito dos gatos, não me dou com eles mesmo! Mas o que fazem é desumano, gente que vem do interior até e largam os bichos na entrada da cidade – e eles que se virem.
E tem solução?
Nego: Tem que ter conscientização. Respeito. Quem faz isso eu acredito que em sua casa também é um péssimo exemplo de vida em outras atividades.
Agora, em muitas cidades tem o Centro de Bem Estar Animal, isso é muito bom – e também lei para a castração de animais de raça para impedir a procriação, mas sou contra. Eu e o Guri já fizemos muitas festas juntos
Parabéns pela atitude
Nego: Saudações caninas

Um comentário:

Ana Corina disse...

Então, achei que a entrevista tem a boa intenção de chamar nossa atenção para a questão dos maus-tratos sofridos pelos animais. E no geral, gostei da iniciativa e a achei válida. Beijo, querido! Parabéns pelo blog!